Leia Agora: Demolidor A Queda de Murdock


 Antigamente o Demolidor era um herói bem infantil, era apenas mais um vigilante com uma galeria de super vilões coloridos, foi apenas o Frank Miller colocar as mãos no personagem que ele se tornou um herói sombrio, com histórias maduras mesclando realidade e fantasia, A Queda de Murdock foi sem duvidas um quadrinho que fez com que todo mundo percebesse que agora esta era uma mídia que poderia agradar crianças, jovens e adultos.

Frank Miller é um dos mais respeitaveis e famosos escritores de quadrinhos, entre seus trabalhos mais notáveis estão Demolidor: A Queda de Murdock, Batman: O Cavaleiro das Trevas, Batman: Ano Um, Os 300 de Esparta, Ronin e Sin City, o escritor também costuma trabalhar como desenhista (o que não é o ponto forte dele), diretor e roterista de cinema e até mesmo ator.

 David Mazzucchelli durante a decada de 80 foi um frequente desenhista do Demolidor na Marvel, ele desenhou também os quadrinhos de Batman: Ano Um junto com Miller e também já trabalhou com o escritor Dennis O'Neil.

"... um homem sem esperanças é um homem sem medo."

 Matt Murdock e Karen Page tiveram um otimo relacionamento, no entanto a vida noturna de Murdock como vigilante fez com que a moça decidisse se afastar do advogado, ela então sai de Nova York e vai tentar uma carreira como atriz, no entanto sua carreira em pouquissímo tempo se torna um fiasco, ela então começa a se envolver com drogas, a garota fica tão dependente que acaba trocando uma informação valiosa por um pouco de heroína.

 A valiosa informação: Matt Murdock é o Demolidor!

 Essa informação é passada sigilosamente de mão em mão até chegar em Wilson Fisk, o poderoso Rei do Crime e o maior inimigo do Demolidor, Fisk então bola um terrível plano para destruir de uma vez por todas Murdock e conquistar sua vendetta.

 Matt Murdock em pouquíssimo tempo perde seus amigos, sua casa, sua carreira, seu dinheiro e sua sanidade, será este o fim do Demolidor?

Murdock, o homem que perdeu tudo

 Porque a cada 10 pessoas 11 dizem que A Queda de Murdock é a melhor história do Demolidor? A resposta é bem simples na verdade, o quadrinho foi revolucionario e ainda é, Frank Miller teve a audacia de tratar temas como corrupção e consumo de drogas, a história é mais focada no Matt Murdock do que no Demolidor, vemos pouco a pouco o personagem ser destruido e ficamos loucos para ver o personagem se erguer, é um quadrinho que consegue te emocionar, torcer, ter medo, vibrar e dar uma enorme satisfação quando acabar de passar pela ultima pagina, foi tão revolucionario que os quadrinhos após essa historia nunca mais foram os mesmos.

 Uma sacada genial foi como conseguimos perseber visualmente o quão destruido Matt Murdock esta logo no começo de cada quadrinho, no primeiro volume vemos o personagem deitado em sua cama, no segundo ele esta numa cama de hotel vagabundo passando frio, já no terceiro ele esta dormindo na rua, até que chega um momento que finalmente o quadrinho começa com Matt Murdock começa de pé (e você vibra só de ver essa cena!), então podemos saber claramente que o personagem chegou a sua redenção, é inacreditavel como conseguiram usar uma linguagem tão profunda sem ao menos precisarem de palavras.

Wilson Fisk, o Rei do Crime!

 Demolidor: A Queda de Murdock não é apenas um dos melhores quadrinhos do Demolidor ou da Marvel, é um dos melhores quadrinhos da história! Se você curte super heróis e quadrinhos é o tipo de história que você precisa ler antes de morrer, e para quem não curte o tipo de mídia eu posso garantir que você vai mudar de opinião.

 Para quem quiser ler o quadrinho ele foi publicado pela Salvat e também pela Panini, sendo o primeiro com um preço mais assessível e o segundo com uma qualidade superior, encontrar as mensais é uma tarefa bem complicada e nem vale a pena, você precisa ter este quadrinho em capa dura na tua estante.