Dica de Filme: Se7en


 Sem duvidas um dos filmes mais importantes na carreira do David Fincher foi Se7en (no Brasil recebeu o título de Se7en: Os Sete Crimes Capitais), o diretou criou um filme ousado com um roteiro forte e um elenco de peso.

 Se7en chegou em 1995, com direção a de David Fincher e os roteiros de Andrew Kevin Walker, distribuido pela New Line Cinema o longa recebeu um orçamento de 33 milhões de dólares e faturou cerca de 327.3 milhões.

Kevin Spacey

 O detetive William Somerset (Morgan Freeman) está há uma semana de se aposentar, no entanto ele acaba ficando encarregado de investigar um novo e pertubador caso, William precisará trabalhar com o detetive recém transferido David Millis (Brad Pitt) que possui um péssimo comportamento.

 Os dois detetives começam a investigar uma serie de assassinatos inspirados nos sete pecados capitais, enquanto a esposa de Willis, Tracy (Gwyneth Paltrow) precisa se adequar a nova e violenta cidade enquanto lida com uma gravidez não planejada.

Somerset e Millis

 O filme impressiona bastante pela sua qualidade, o roteiro é muito bem escrito e amarrado, a fotografia desse filme é incrível, apesar de não ser o primeiro filme do diretor (ele começou dirigindo o terceiro filme da franquia Alien) Se7en mostrou do que o David Fincher é capaz, todos suas virtudes e marcas registradas foram experimentadas nesse longa que consegue ir mundo além do que um simples thriller policial.

 Se7en faz diversas referências ao livro Divina Comédia do poeta italiano Dante Alighieri, apesar de não se aprofundar muito no assunto consegue despertar a curiosidade e é encaixado de uma forma bem sutil no enredo.

Um crime mais pertubador que o outro

 Essa foi a primeira de uma longa parceria entre o ator Brad Pitt e o diretor David Fincher, eles voltaram a trabalhar juntos em 1999 no fantástico Clube da Luta (clique aqui para ler a crítica do filme) e em 2008 em O Curioso Caso de Benjamin Button (falarei em breve deste filme).

 Eu cheguei a duvidar no filme pensando que o Brad Pitt e o Morgan Freeman não formariam uma boa dupla de detetives, não conseguia pensar em uma boa química em atores tão diferentes mas eles funcionam muito bem juntos, Somerset acaba se tornando uma especie de tutor para Millis já como o detetive irá se aponsentar, é interessante ver também como Somerset mesmo sendo um homem mais velho e com bastante experiência constantemente é pego em diversas duvidas, os personagens são muito bem construidos.

 Se curte filmes policiais e se surpreendeu com outros trabalhos do David Fincher como Clube da Luta ou House of Cards vale muito a pena pegar para assistir este filme, o desfexo é de explodir a cabeça, assistam que não vão se arrepender.