Desafiador: 20 Perguntas - Minissérie do Deadman nos Novos 52

 O Desafiador (Deadman no original) já é um personagem bem antigo, criado em 1967 pela dupla Arnold Drake e Carmine Infantino para a revista Strange Adventures, o protagonista da história é Boston Brand, um trapezista do circo, ou pelo menos ele era, afinal Brand está morto e agora vaga pela terra como um fantasma possuindo corpos e tentando ajuda-los, Desafiador ganhou uma nova chance de brilhar com a chegada dos Novos 52 e infelizmente por ter tantas novidades ao mesmo tempo muita gente sequer notou que sua minissérie estava nas bancas, bem vamos então analisar o arco 20 Perguntas que foi publicado aqui no Brasil pela Panini em 3 edições.


desafiador
 O arco 20 Perguntas do Desafiador foi escrito por Paul Jenkins e teve os desenhos de Bernard Chang, nessa aventura somos apresentados a Boston Brand que após ter sido assassinado durante em uma de suas apresentações no circo ganha pela Deusa Rama a chance de continuar vagando pela terra ajudando as pessoas e se redimir pelos atos que cometeu em vida.

 O Desafiador passa a viver diversas vidas no entanto sente que não está conseguindo fazer a coisa certa, e quanto mais tempo passa em sua jornada mais perguntas surgem em sua mente, Boston Brand passa a desconfiar que a Deusa Rama está tramando alguma coisa para cima do trapezista e ele então decide ir atrás das perguntas, sua nova jornada irá lhe apresentar a criaturas misticas e a irritar criaturas que estão além de seu poder.

desafiador
Desafiador e Rama Kushma
 O quadrinho foge do habitual estilo de super-heróis e traz uma aventura mística repleta de reflexões e lições, apesar de ter algumas cenas de ação no decorrer da história esse não é o ponto forte do enredo, a aventura se passa em Gotham mas todo o cenário é bem estruturado e não depende em nada do Cavaleiro das Trevas, entre as várias pessoas que o Desafiador possuiu o mais importante para o decorrer da aventura é Johnny Foster, um ex fuzileiro que perdeu suas pernas em uma explosão quando estava em combate.

 A narrativa apesar de certas vezes deixar a desejar no geral é muito boa, já os desenhos eu esperava que fossem um pouco mais estilizados, está muito padrão de traços de super-heróis e deveria ter uma pegada mais estilo Sandman, entendem? Uma arte mais psicodélica com viagens astrais e coisas do tipo, não me levem a mal, os desenhos do Bernard Chang são muito bons mas não casaram bem com a narrativa.

 O arco 20 Perguntas do Desafiador não tenta ser muito pretensioso, ele fecha bem a história e consegue te divertir, é complicado achar material sobre o personagem aqui no Brasil, para quem quiser ler mais sobre o fantasma de Boston Brand procure os quadrinhos da Liga da Justiça Sombria.

 Caso queira adquirir a minissérie clique aqui e compre lá na Comix.

desafiador
Desafiador e a Bibliotecária