Superman: O Legado das Estrelas

 Superman: O Legado das Estrelas (Superman: Birthright no original) veio com a proposta de recontar a origem do personagem, em uma visão mais atualizada e aproveitando muitos conceitos do seriado Smallville que fazia muito sucesso naquela época, apesar de não ser o melhor quadrinho de origem do personagem é ainda sim uma história bem bacana que vale a pena conhecer.



superman: o legado das estrelas
 O quadrinho é escrito pelo Mark Waid (Reino do Amanhã) e desenhado por Leinil Francis Yu, foi publicado originalmente entre 2003 e 2004 em 12 edições, aqui no Brasil o quadrinho foi publicado em 6 volumes, a ideia do quadrinho era substituir a origem do personagem escrita pelo John Byrne em Homem de Aço (clique aqui para ler a resenha), no entanto apesar de bem bacana não conseguiu ter o mesmo charme do quadrinho de 1986.

 A maior mudança que ocorreu no enredo foi inserir Lex Luthor como amigo de infância do Clark Kent, como mencionei este quadrinho sofreu grandes influencias do seriado Smallville mas diferente da serie o quadrinho é bom, que isso fique claro.

superman: o legado das estrelas
Pra que pescoço quando se é o Superman
 Mark Waid é um dos escritores que mais entende do Superman, ele consegue transmitir aquela essência do personagem que inspira as pessoas, apesar de jovem e inexperiente Clark Kent possui valores morais muito fortes, não tem o mesmo impacto que o Superman do Reino do Amanhã mas ainda sim possui uma personalidade muito forte.

 Destaque para o inicio do quadrinho em que Clark Kent esta trabalhando como repórter correspondente na Africa, era apenas apresentar o personagem mas ficou tão bem escrito que eu ficaria muito grato se tivesse um quadrinho inteiro seguindo aquela trama, não vou me aprofundar para não soltar spoilers.

superman: o legado das estrelas
Coleção da Panini
 A arte de Leinil Francis Yu em Superman: O Legado das Estrelas é muito boa mas possui algumas inconsistências, achei o Superman muito anatomicamente exagerado, em algumas histórias ele está com um porte físico de atleta em outros ele parece um armário, não chega a incomodar mas é um ponto negativo.

 Os motivos da rivalidade de Superman com Lex Luthor foram muito rasos, o vilão aparentou odiar o Superman por odiar, sem nenhuma grande motivação, seria melhor se tivesse um tempo melhor para desenvolver a relação dos dois personagens ou o ódio do Lex Luthor fosse sendo desenvolvido aos poucos, e outra: Lex Luthor ter conhecido Clark na infância não influenciou em nada no desenrolar da trama, foi totalmente dispensável.

 Superman: O Legado das Estrelas possui uma história bacana com alguns furos e uma arte muito bonita com algumas inconsistências, se o quadrinho não tivesse sido tão influenciado por Smallville teria sido ainda melhor, mas vale a pena conferir, recomendo para os fãs do azulão.

 O encadernado de Superman: O Legado das Estrelas se encontra esgotado, da pra conseguir em sebos ou no Mercado Livre, este quadrinho será lançado na coleção de Graphic Novels da DC Comics, então vale a pena ficar ligado para quando ele estiver nas bancas (dividido em 2 encadernados), fiquem no aguardo.