Demolidor: Revelado (Crítica)

 Demolidor: Revelado é um daqueles quadrinhos que após ler te fazem sentir feliz simplesmente por estar vivo e ter tido a oportunidade de ler essa maravilha, mais uma prova que Bendis é um dos melhores roteiristas de quadrinho da história e com desenhos excepcionais do Maleev.




 Os roteiros são do senhor Brian Michael Bendis (Alias, Ultimate Homem-Aranha) e com a arte do Alex Maleev (Mulher-Aranha, Batman: Terra de Ninguém). apenas com exceção das edições 38 e 39 que são desenhadas pelo Manuel Guitierrez e da edição 40 que é desenhada pelo Terry Dodson.

 O encadernado reúne as edições 26 há 40 da revista regular do Demolidor em 356 páginas.

 Não é obrigatório mas é bacana terem lido antes quadrinhos como O Homem sem Medo, A Queda de Murdock e Diabo da Guarda, mas relaxa que da pra entender tudo que rola nessa HQ.


 Wilson Fisk é dado como morto e a Cozinha do Inferno tem um novo chefe do crime, as coisas vão se tornando mais complicadas quando a cabeça de Matt Murdock é colocada a prêmio, o que mais intriga o vigilante é que eles estão atrás do advogado cego e não do Demolidor.

 Em uma série de tramas e reviravoltas que eu não vou contar pra não dar spoiler a identidade do Demolidor acaba virando capa do jornal Globo Diário e a vida do Matt Murdock vira um caos completo.

 Após o Frank Miller ter passado pelo personagem parecia impossível surgir outro roteirista com argumentos tão bons, eis que Brian Michael Bendis aparece com um dos melhores gibis de super herói da atualidade, o quadrinho tem uma boa pegada de investigação e enredo policial mesclando com as cenas de ação do Demolidor, no entanto o foco é o Matt Murdock atuando como advogado.


 A arte do Alex Maleev é impressionante e cai como uma luva para o enredo mais "pé no chão", o jogo de luz e sombra que o artista usa em suas ilustrações dão um aspecto único para esse quadrinho em que diversas vezes não existia a necessidade de um único dialogo para narrar as cenas.

 O desenrolar da trama é muito bem bolado e a forma como a identidade do Demolidor é revelada é genial, não é atoa que para muitos essa é a melhor fase do personagem. o quadrinho está com o preço de capa de R$92,00 mas da pra encontrar por um preço mais em conta, e sinceramente, valeu cada centavo que eu investi nesse quadrinho.

Demolidor: Revelado
Roteiro: Brian Michael Bendis
Arte: Alex Maleev (26 - 37); Manuel Guitierrez (38 - 39); Terry Dodson (40)
Data publicação original: 2001
Editora: Marvel